Avisos Paroquiais
Receba nosso informativo diretamente em seu e-mail.
“QUEM VOS CHAMOU É FIEL” (1TS 5,24)

09/11/2015

“QUEM VOS CHAMOU É FIEL” (1TS 5,24)


É Deus que me sustenta com o seu amor e sua misericórdia, com sua palavra e seu Corpo e Sangue. Quando, aos 15 anos, tive que decidir deixar minha família para ir para o seminário, experimentei pela primeira vez como Deus é fiel também nas coisas materiais.

Eu trabalhava num supermercado, e o meu salário sustentava minha família, que era muito pobre. Nesse tempo já ouvia o chamado de Jesus para ser padre. Perguntei para minha mãe o que eu devia fazer, e ela disse: “Deus sabe tudo de nós, se Ele te chama Ele dará um jeito”.

E decidi deixar minha família. Alguns dias depois, meus irmãos arrumaram emprego. Vi, nessa experiência, a fidelidade de Deus para conosco. Se agirmos com fé, a bênção vem! Aprendi que a partilha dos bens atrai as bênçãos de Deus sobre nós. Tomei a decisão de dar meu dízimo todo mês, para que o reinado dele crescesse no meu coração e no coração de todos o que são beneficiados com o meu dízimo. O dízimo ajuda a vencer meu egoísmo.

Com o dízimo, eu louvo e agradeço a Deus por tudo: pela vida que ele me deu; pelo ar que respiro; pela fé; pelo amor e pela esperança que ele me dá; pela minha família e pela Igreja. O dízimo ensinou-me a valorizar cada centavo, a lutar contra o consumismo e a gastar com responsabilidade.

Ensinou-me a poupar também. A primeira coisa que faço quando Deus me presenteia, através da Igreja, com uma contribuição mensal, é separar 10% para Ele. Esse dinheiro, consagrado a Ele, é que torna possível o anúncio do Evangelho, auxilia os pobres, as crianças e os doentes; ajuda os missionários, forma sacerdotes e leigos, constrói nossos espaços de evangelização, entre tantas bênçãos. Isto é Reino de
Deus!

Sua fidelidade com o dízimo trará muitas bênçãos de paz, de salvação, de alegria, saúde e felicidade sobre você e sobre sua família. É o Senhor quem diz a todos nós: “Faça a experiência e você verá se Deus não abre os reservatórios do céu e se não derrama as sua bênçãos sobre você, muito além do necessário” (Ml 3,10).


Padre Rogério Félix Machado

Voltar

 
| Política de privacidade © 2009 Paróquia São Sebastião. Todos os direitos reservados.