Avisos Paroquiais
Receba nosso informativo diretamente em seu e-mail.
NATAL DO SENHOR

23/12/2014

NATAL DO SENHOR


Com alegria celebramos, mais uma vez, a recordação do Natal de Jesus Cristo, Nosso Senhor. A cada ano temos esta graça de
refletir, rezar e celebrar o nascimento do nosso Salvador e Redentor. Salvador e Redentor de toda a humanidade, renovador de toda a
criação. “Quando, porém, chegou a plenitude do tempo, enviou Deus seu Filho, nascido de uma mulher, nascido sob a Lei, para remir
os que estavam sob a Lei, a fim de que recebêssemos a adoção filial” (Gl 4, 4-5).
Anunciar a PESSOA DE JESUS, o Cristo de Deus, sua Palavra e seu projeto de vida, é o grande desafio dos tempos modernos.
Claro que o Natal é uma festa que nos enternece, pois lembramos o amor, a criança, a família, o aconchego do lar, as cantigas de ninar,
os presentes e tudo o mais. Mas o grande chamado que a Igreja nos faz, nos dias de hoje, é que, além de celebrar tudo isso e valorizar
todas estas realidades, não deixemos de proclamar solenemente, com a vida, com nossas palavras e atitudes, que o “VERBO DE
DEUS FEITO CARNE” continua a contar conosco na tarefa de salvação do mundo e da história. Assim como Deus contou com Maria de
Nazaré, para que nascesse o “Emanuel”, assim conta conosco para que Jesus Cristo continue a ser Anunciado, Seguido, Proclamado,
Amado, Festejado em nossas vidas e na vida de nossos irmãos e irmãs. O compromisso com Jesus Cristo e seu Evangelho é inadiável.
O Verbo se fez carne para salvar-nos, reconciliando-nos com Deus. O Verbo se fez carne para que conhecêssemos o amor de Deus. O
Verbo se fez carne para ser nosso modelo de santidade. O Verbo se fez carne para tornar-nos participantes da natureza divina. Santo
Atanásio nos diz que “... o Filho de Deus se fez homem para nos fazer Deus”. Esta é a nossa alegria. Esta é a grande notícia que devemos
cultivar e anunciar. Nós, com Maria de Nazaré, podemos colaborar com a obra salvífica de Deus, anunciando o seu Filho Unigênito,
o Cristo e Senhor de nossas almas e de nossas vidas. E na celebração do Natal não podemos deixar de lembrar a importância e o valor
da Família. Dias atrás aconteceu em Roma o Sínodo Extraordinário sobre a Família, com o qual a Igreja quis, mais uma vez, propor a
Família de Nazaré como modelo de família para todos nós. Que o Santo Natal, que vamos vivenciar, nos encha de santa alegria, por
podermos celebrar a vida de nossa família, inserindo-a no mistério da graça do Natal de Jesus.
D. José Valmor Cesar Teixeira, SDB
Bispo Diocesano de São José dos Campos

Voltar

 
| Política de privacidade © 2009 Paróquia São Sebastião. Todos os direitos reservados.